Sendo gay no Rio e em Nova York: uma conversa com Mari Veiga

Para quem acompanha o nosso pequeno portal, viu que fizemos uma deliciosa entrevista com a carioca que conquistou Nova York, certo? Mas existia uma condição nessa entrevista. Eu, Mari, ser entrevistada também.

E o resultado já saiu e está sensacional! Coloquei o post aí embaixo, mas clica aqui e lê lá no site que é bem mais interessante!

Desiree

Sapatão convicta. Nunca recuso uma cerveja gelada e batata frita. Amo samba, pagode, funk, etc. Me chama pro barzinho, pra baladinha, pra show... pode escolher, eu topo! Geminiana com ascendente em câncer.

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.