Querido diário – Becca & Vicky – Cap 8

Estamos de volta com mais uma história! Não lembra onde paramos? É só clicar aqui

24/12 (Parte II)

Vicky segurou firme na mão de Rebecca.

– Gostou do meu quarto? Eu disse que era maior que o seu – Disse Vicky sorrindo.
– É sufocante. Estou impressionada acho que minha casa cabe aqui dentro – Disse Rebecca.
– Meus pais são exagerados. Eu te avisei – Vicky a levou pelo braço até o closet.
– Aqui é o único lugar seguro. Meu lugar favorito desde sempre.
– Seguro, como assim? – Perguntou Rebecca com admiração.
– É o único lugar que não tem câmeras. Por isto meus pais sempre sabem tudo.
– Tudo na vida tem um preço – Disse Rebecca de modo confortador.
– Vou tomar banho. Fique a vontade.

Rebecca sentou-se num pufe no meio do closet. O diário de Vicky estava na prateleira a sua frente, Rebecca folheou sem dar muita importância, depois colocou de volta no mesmo lugar. Rebecca tentou não pensar em tudo que disse a Estela. Alguns minutos depois Vicky apareceu linda com um belo vestido longo vermelho e saltos altos.

Rebecca sorriu. – Linda parece até uma princesa.

– Mamãe que escolheu, disse que se eu não usasse, tiraria minha mesada por um ano.
– Acho que você é apaixonada pelo seu primo – Disse Rebecca.
– Já fui. Daí eu o beijei e deixei de ser. Num estralar de dedos o encanto se foi – Vicky sorriu.
– Eu tenho um presente para você, está na minha casa – Disse Rebecca com ternura.
– Tu terias coragem de me beijar sabendo que perderias o encanto? – Disse Vicky insinuante.
– Pretenciosa! Não preciso de coragem para te beijar, apenas não quero.

A festa de aniversario foi um acontecimento, inúmeros convidados, logo após os parabéns, Vicky vestiu roupas confortáveis. Foram para a casa de Rebecca. Rebecca entregou um envelope pequeno nas mãos de Vicky.

– Uma corrente com um pingente “Best friend”, adorei – Disse Vicky delicadamente.
– Combinou com você. Eu tenho um pingente igual. Quer um cigarro? – Perguntou Rebecca.
– Não obrigada, não pretendo morrer cedo – Disse Vicky com olhar de desaprovação.

Rebecca tirou o vestido sem se preocupar com a presença de Vicky, ela desviou o olhar envergonhada. Rebecca vestiu uma blusa regata, short jeans curto e se aproximou de Vicky.

– Se eu te beijar o encanto acaba – Disse Vicky com leve sorriso.
– Eu vou arriscar – Disse Rebecca com determinação.

Rebecca se aproximou, olhou diretamente em seus olhos, Vicky se afastou timidamente. Rebecca fez uma segunda tentativa Vicky novamente se afastou.
Rebecca respirou fundo.

– Eu não vou insistir.
– Me desculpa não estou pronta – Vicky estava visivelmente nervosa.
– Daqui alguns dias o ano vai acabar. Achei que daria um beijo por ano – Rebecca sorriu.

Vicky passou as mãos nos cabelos, sorriu se aproximou e deu um selinho em Rebecca.

– Agora o ano pode acabar – Disse Vicky em tom de brincadeira.

Rebecca sorriu retribuiu o selinho. Vicky estava insegura, coração acelerado, mãos frias, Rebecca se afastou, gentilmente segurou suas mãos esfregou uma mão na outra para aquecê-las. Aqueles selinhos não eram bem a ideia de “beijo” que Rebecca tinha em mente.

sig_pimenta

Desiree

Sapatão convicta. Nunca recuso uma cerveja gelada e batata frita. Amo samba, pagode, funk, etc. Me chama pro barzinho, pra baladinha, pra show... pode escolher, eu topo! Geminiana com ascendente em câncer.

Este post tem um comentário

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.