Querido diário – Becca & Vicky – Cap 12

Vicky se mudou para outro país com sua mãe, como já havia avisado anteriormente a Rebecca.

Apesar de desolada com ausência de Vicky, Rebecca aproveitou o período de um ano longe dela da melhor maneira possível.

Tentou morar sozinha, seguir os mesmos passos que seguiam todas as meninas que não tinham família, que saíam do Centro de Ressocializaçao (CR). Uma casa de passagem onde teria direito a uma cama pequena e uma gaveta numa cômoda. Entre as meninas do CR, este quarto é conhecido como QV, quarto do suicídio. Mas após alguns minutos morando sozinha num quarto cheio de camas vazias, as lembranças do seu passado eclodiram em sua mente, foi então que ela percebeu que Chan e Peterson a tratavam como filha, e diferentemente das outras meninas que viam naquele quarto a única opção de recomeço ou de fim, ela tinha um futuro inteiro pela frente.

Na casa de Chan e Peterson, Rebecca recebeu um quarto totalmente limpo, decorado e confortável. Aos poucos Rebecca desarmou-se, tornou-se mais receptiva à idéia de fazer parte de uma família. A idéia de morar com Vicky ainda era seu pensamento mais constante. Rebecca concentrou suas energias no trabalho como menor aprendiz e nos estudos.

Durante o período que Vicky morou fora, ela estabeleceu a seguinte rotina: ligações telefônicas semanais, presentes mensais e email diário, Vicky vibrante, jovial, encantadora como sempre. Mas, sempre que fazia menção ao fato de que morariam juntas, Rebecca desconversou.

A vida de Rebecca se tornou como a de qualquer adolescente comum da sua idade. O entrosamento entre Rebecca, Chan e Peterson era tão grande, que eles se referiam a ela como filha do coração e ela às vezes os chamava de pais.

Chan ensinou tudo que uma mãe bondosa e atenciosa ensina a uma filha, Peterson ensinou a Rebecca tudo que um pai amoroso e generoso ensina aos filhos. A vida no sitio era ótima, frutas tiradas direto do pomar, banhos na lagoa, Rebecca fez novos amigos no trabalho, na escola e no curso de língua estrangeira.

Em dezembro finalmente veio o merecido descanso. No trabalho, férias coletivas, na escola passou com louvor, concluiu um ano de ensino de língua estrangeira. Chan e Peterson, sociáveis, inseriam Rebecca nas festividades familiares.

Rebecca sentiu-se pronta para esquecer de vez o passado de adolescente rebelde e agarrou com determinação todas as oportunidades que sua nova vida lhe apresentou. Chan e Peterson organizaram uma super festa de aniversario para ela que durou toda tarde. E uma festa incrível para comemorarem o natal.

Logo cedo, na manhã de natal, Rebecca recebeu de Vicky uma mensagem de texto via celular com um endereço e uma carinha feliz. Rebecca enviou uma mensagem de texto convidando Vicky para festejar com eles o seu aniversario e o natal.

becca_12

No início da noite Vicky respondeu com uma mensagem de texto via celular, com a frase te vejo amanhã e uma carinha feliz. A festa de aniversario foi um sucesso, todos os novos amigos de Rebecca estavam presentes. Alguns familiares de Chan e Peterson vieram de longe para conhecer Rebecca. As festas agradaram muito Rebecca.

Na manhã seguinte…

sig_pimenta

Desiree

Sapatão convicta. Nunca recuso uma cerveja gelada e batata frita. Amo samba, pagode, funk, etc. Me chama pro barzinho, pra baladinha, pra show... pode escolher, eu topo! Geminiana com ascendente em câncer.

Este post tem um comentário

  1. Luciana Santos

    História cada vez mais bela.

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.