Nosso exército é pesado e a gente tem poder

Não estamos em guerra, mas lutamos dia após dia por uma coisa que tantos já têm desde que nasceram.

A festa do dia de São Patrício (padroeiro da Irlanda) tem um desfile muito tradicional pelas ruas de Nova York. Grupos LGBT queriam fazer parte, oficialmente do desfile e foram proibidos. Então, o prefeito da cidade cancelou sua presença. Três cervejarias – principal ingrediente da festa – retiraram seu patrocínio. Em tantos outros lugares, a cerveja mudou de verde, a cor tradicional da festa, para rosa. Tudo isso porque? Porque está na hora de se posicionar.
Passamos da fase em que ficar em cima do muro era o melhor a se fazer. Passamos da fase em que não tocar no assunto era melhor do que falar besteira por aí, hoje queremos posicionamento. Decisões.

Nos jogos de inverno de Sochi, na Rússia, os patrocinadores oficiais receberam uma enxurrada de reclamações por estarem investindo em um país com leis tão homofóbicas como a Rússia. Todos os dias as marcas recebem abaixo-assinados, protestos e mensagens lembrando que elas devem se posicionar no mundo de hoje. Resultado? Ganhamos ativistas de peso.

O mundo está vendo a causa LGBT como uma coisa bem maior do que há poucos anos atrás. A sociedade está começando a abrir os olhos para a realidade. Nós existimos, estamos aqui e queremos nosso espaço. E mais ainda, nós não somos poucos. Por isso, as grandes marcas estão entendendo que apoia o respeito e a diversidade é mais do que bonito, é essencial. É mostrar que a marca está pronta para encarar o mundo de hoje e respeitar a todos, sem exceção.

Não aceitamos o silêncio como resposta e nem queremos ser ignorados. Nós existimos e queremos ser vistos e lembrados.

Screen Shot 2014-03-18 at 1.24.14 AM

A Guinness tem uma história de apoio à diversidade e lutar pela igualdade para todos. Estávamos esperançosos que a política de exclusão acabaria no desfile deste ano. Como isso não ocorreu, Guinness retirou sua participação. Continuaremos a trabalhar com líderes para que nos desfiles futuros tenhamos uma política mais inclusiva.

Desiree

Sapatão convicta. Nunca recuso uma cerveja gelada e batata frita. Amo samba, pagode, funk, etc. Me chama pro barzinho, pra baladinha, pra show... pode escolher, eu topo! Geminiana com ascendente em câncer.

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.