Nome social poderá ser usado no ENEM 2014

Pela primeira vez, travestis e transexuais poderão usar seus nomes sociais em todo o processo do Enem 2014: nas listas de presença, cartões de inscrição, nome na prova e listas de resultados.

Nem sempre o nome social é o mesmo nome de registro – como é o caso de apelidos, por exemplo. No caso de travestis e transexuais, essa diferença muitas vezes se torna motivo de preconceito, violência e humilhação. Agora, durante a realização do Enem, isso não acontecerá mais! É só ligar no 0800-616161, até dia 23 de maio (último dia de inscrições), e informar o nome social a ser utilizado.

O uso dos nomes sociais de travestis e transexuais não são novidade no governo federal: em 2010, o Ministério do Planejamento lançou portaria assegurando o uso do nome social por servidores públicos federais travestis e transexuais. Em 2011, o MEC lançou portaria garantindo a escolha de tratamento nominal em todas as instituições sob sua administração.

Outra luta importante, dessa vez no âmbito do Legislativo, é a batalha pela aprovação do PL João W Nery, de autoria dos deputados Erika Kokay (PT/DF) e Jean Wyllis (PSOL/RJ), que visa facilitar a alteração do nome de registro.

Gay1

Desiree

Sapatão convicta. Nunca recuso uma cerveja gelada e batata frita. Amo samba, pagode, funk, etc. Me chama pro barzinho, pra baladinha, pra show... pode escolher, eu topo! Geminiana com ascendente em câncer.

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.