Governo lança campanha contra homofobia durante encontro LGBT

Durante reunião realizada, na manhã de quarta (21), na Coordenadoria de Comunicação do Estado (CCOm), foram acertados os últimos detalhes da campanha publicitária “Piauí sem Homofobia”, que será lançada na abertura do II Encontro Estadual LGBT do Piauí que acontece sexta (23), às 17h, no Centro de Treinamento do Emater.

Participaram da reunião, onde foram definidas as estratégia e peças da campanha, o coordenador da CCom, Fenelon Rocha, a diretora da Unidade de Direitos Humanos da Secretaria da Assistência Social e Cidadania (Sasc), Gilvana Gayoso, além de representantes do movimento LGBT, como a coordenadora de Enfrentamento à Homofobia do Piauí, Joseane Borges e a representante do Centro de Referência para Promoção da Cidadania LGBT Raimundo Pereira, Laura Reis.

“O pontapé da campanha Piauí sem Homofobia é o lançamento da logomarca que vai acontecer nesta sexta na abertura do encontro. A reunião de hoje serviu para uma aproximação ainda maior entre a ideia que queremos promover, que é de um Piauí sem preconceito, capaz de viver com as diferenças, com o movimento LGBT e a Sasc. Acredito que chegamos a um denominador comum, mesmo porque, o importante é promover a tolerância”, afirma o coordenador da CCom, Fenelon Rocha.

Segundo Gilvana Gayoso a campanha é fundamental para quebrar com preconceito em relação ao público LGBT. “A campanha é o resultado da instituição de uma política pública estadual de enfrentamento à homofobia, onde vários órgãos do Governo estão desenvolvendo ações de combate ao preconceito. O fundamental é assegurar que os direitos da população LGBT sejam respeitados e para isso precisamos dar visibilidade para essa luta”, explica a diretora de Direitos Humanos da Sasc, Gilvana Gayoso.

Para a representante do movimento LGBT e coordenadora de Enfrentamento à Homofobia do Piauí, Joseane Borges, a parceria entre Governo do Estado e o público LGBT vem mostrando que o caminho para vencer o preconceito é a união em volta de um só objetivo. “Essa aproximação fortalece o movimento. Com a visibilidade positiva da campanha vamos promover mais uma forma de inclusão da população LGBT que é normalmente colocada de forma negativa”, disse a coordenadora.

A campanha “Piauí sem Homofobia faz parte das ações integrantes do Plano Estadual de Cidadania e Direitos Humanos LGBT, lançado, pelo Governo do Estado, em abril deste ano e, que transformou a garantia dos direitos LGBT (Lésbicas, Gays, Transexuais e Transgêneros) numa política pública para o enfrentamento à discriminação por identidade sexual e de gênero.

Desiree

Sapatão convicta. Nunca recuso uma cerveja gelada e batata frita. Amo samba, pagode, funk, etc. Me chama pro barzinho, pra baladinha, pra show... pode escolher, eu topo! Geminiana com ascendente em câncer.

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.