Empresas se recusam a produzir blu-ray de filme gay

O filme “Azul é a cor mais quente” foi vencedor da Palma de Ouro em Cannes e começou o ano como um grande sucesso. Já chegou aos cinemas brasileiros e agora será lançado em DVD.

O filme, que conta a história de amor entre duas meninas tem cenas quentes entre elas, mas também tem cenas amorosas, cenas fortes e cenas fofas.

A página oficial do filme anunciou hoje que o blu-ray deve demorar um pouco mais. O motivo? As empresas brasileiras se negam a produzir o filme por causa do seu conteúdo. É difícil acreditar que em 2014, empresas se negam a produzir um blu-ray por ser um filme com temática gay. Ninguém contou para elas que o público LGBT é o que mais consome não?

Veja o anúncio na página oficial deles.

Desiree

Sapatão convicta. Nunca recuso uma cerveja gelada e batata frita. Amo samba, pagode, funk, etc. Me chama pro barzinho, pra baladinha, pra show... pode escolher, eu topo! Geminiana com ascendente em câncer.

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.