Brincadeiras do destino – Cap 43

Nos pensamentos de Suzana

Suzana nunca poderia imaginar que uma coisa dessas aconteceria. Depois de conversar por tanto tempo com a irmã de Carol, tinha certeza que voltaria para sua menina da mesma forma como a muitos anos atrás. Dani tinha garantido que ninguém roubara o espaço dela no coração de Carol. Se enganou.

Ela estava de coração e corpos abertos. Fez tudo como mandava o figurino. Se aproximou devagar, sem assustar a sua eterna menina. A chamou para almoçar, tomar café e só então a levou para jantar. Escolheu o melhor restaurante possível: a sua casa.

Suzana tinha terminado com seu noivo depois de manter um relacionamento de quase 1 ano com a irmã dele. As duas acabaram ficando em uma das festas de família na fazenda que mantinham. Isabella, irmã do noivo tinha bebido demais e Suzana foi a única que se moveu para ajuda-la e a levou para o banho. Como já se conheciam há uns 5 anos não tinha vergonha nenhuma envolvida. Ainda meio bebada e como forma de agradecimento, Isabella beijou Suzana no banho. Na hora passou batido, mas no dia seguinte, enquanto o noivo jogava futebol ou pescava com os primos e amigos, as duas faziam o melhor sexo da vida no quarto de Isabella.

Na festa em comemoração ao noivado, as duas beberam demais e resolveram se agarrar no banheiro do salão de festas. A futura-ex sogra de Suzana ouviu tudo e acabou com a palhaçada. Sem nem pensar duas vezes, Isabella e Suzana fugiram para o Rio e engataram em um relacionamento que não durou nem 2 meses. Isabella era muito louca e queria mesmo era uma ótima desculpa para fugir da família mais louca ainda que tinha.

Suzana então decidiu que queria Carol de volta. Rodou toda a cidade atrás da menina. Até que um dia no shopping cruzou com Dani, irmã de Carol. Uma coincidência só. Dani tinha acabado de almoçar com Carol e até disse que poderiam ir lá na loja dela visita-la. No dia, Suzana achou melhor não. Ficaria para uma próxima. Mas decorou todas as direções e sabia muito bem onde recuperar o seu passado.

Agora ela era irresistível, assumida e rica. Dona de uma empresa que agenciava artistas, ela tinha o mundo nas mãos. Só faltava Carol para completar.

No dia que decidiu ir atrás da menina, já tinha tudo planejado. As palavras, as roupas e os gestos. Queria faze-la lembrar dos bons momentos que tiveram e assim a conquistar de novo. Mas não contava com a existencia de Andreia no caminho.

Carol era outra. Falava em futuro, casamento e formar familia. Nao era mais aquela menina rebelde que estava pronta para conquistar o mundo. Suzana se apaixonou ainda mais e não poupou esforços para ter o que ela queria. Para ganhar o premio final. E não seria aquela mulherzinha da Andreia que atrapalharia.
Depois do jantar, com bastante vinho, dança lenta e com direito a beijo de despedida ela tinha

certeza que Carol seria dela. Voltou no dia seguinte para garantir o prêmio final. Estava pronta para levar sua menina para casa e começarem uma nova vida juntas.

Andreia pagaria em algum momento por ter atrapalhado os planos de Suzana. Ninguém pode entrar em seu caminho dessa forma.

Desiree

Sapatão convicta. Nunca recuso uma cerveja gelada e batata frita. Amo samba, pagode, funk, etc. Me chama pro barzinho, pra baladinha, pra show... pode escolher, eu topo! Geminiana com ascendente em câncer.

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.