Antes de qualquer palavra

Antes que eu pudesse me apaixonar por ela, que eu visse todas as qualidades, toda o carisma, simpatia e os ombros contraídos pela timidez.

Antes mesmo que eu tivesse pensado em pegar esse avião, aqui pro meio de Manaus, nessas terras distantes, pra que ela pudesse ver de perto essa aldeia com rituais xamanicos.

Muito antes de sonhar com a mania dela de cruzar os dedos quando dorme, ou de comer primeiro o presunto e depois o queijo do misto-quente.

Antes, bem antes de saber que seria ela a tomar conta dos meus pensamentos durante cada segundo do meu dia, cada dia do ano.

Aconteceu antes que eu soubesse que longe dela eu não faria mais sentido.

Aconteceu quando se abriu o sorriso mais encantador que já sorriu pra mim, antes de qualquer palavra, o sorriso que me fez sorrir, que fez meu rosto, meu corpo inteiro sorrirem, na alegria de um encontro que não seria passageiro, que não seria mais um.

Não é sempre na vida que o encontro acontece, quando acontecer: sorria!

sig_natasha.png

Desiree

Sapatão convicta. Nunca recuso uma cerveja gelada e batata frita. Amo samba, pagode, funk, etc. Me chama pro barzinho, pra baladinha, pra show... pode escolher, eu topo! Geminiana com ascendente em câncer.

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.