Anna – Cap 8

Depois de socializar com os novos colegas, Anna passou na loja de sua tia Dulce pra contar as últimas novidades e a ajudou com umas coisas do trabalho. Quando a noite foi chegando, sua tia ofereceu uma carona de carro pra ajudar a levar as coisas!

Anna contou do escândalo que sua mãe deu quando disse que iria se mudar e disse que passaria em casa bem rápido!

Chegando em casa, as duas entraram e se depararam com uma cena não muito agradável! Dona Cida jogada no chão da cozinha com uma garrafa de bebida alcoólica do lado… Dulce foi logo ajudar, tentando acordar sua irmã. Anna por mais que já tivesse visto esta cena várias vezes, não acreditava mais uma vez! Não aceitava aquilo.

– Anna, me ajuda aqui! – disse Dulce.
– Eu não posso acreditar… Olha o estado dela tia!!
– Calma, vamos ajudar ela…

Anna não conseguia ter paz naquela casa! Ajudou a tia a levantar a mãe que nao conseguia nem pronunciar frases com sentido de tão bêbada e a levou para o chuveiro! A água gelada ia aos poucos despertando a mãe da menina.

– Pára! Não me molha… Me tira daqui! – As palavras soavam emboladas e D. Cida mal conseguia se manter em pé sozinha…

Dulce ficou no banheiro e Anna foi buscar as coisas para pôr na mala! Escutou a tia dando esporro na mãe e preferiu esperar no carro. Algumas lágrimas escorreram mas a menina estava tentando segurar a barra… O aperto no peito e o nó na garganta não a deixaram perceber que tinha se molhado quando botou a mãe de baixo da agua gelada…

Alguns minutos esperando e sua tia apareceu pra levá-la pra república… Ficaram em silencio a viagem inteira, parecia que aquela noite nunca ia acabar… Anna precisava descansar.

Sua tia ajudou a deixar as coisas na porta da república e não subiu pra ver a casa mas prometeu voltar outro dia. Iria pra casa da irmã ficar com ela essa noite.

Quando Anna pensou que sua noite iria acabar ali, abriu a porta do quarto e viu uma cena: Duda dormindo com uma outra menina… Aquilo a incomodou de tal forma que ela nem pensou. Bateu a porta do quarto e desceu com as roupas de cama que segurava no colo! Estava com um misto de sentimento que não sabia identificar. Será que ela sempre dorme com uma garota diferente toda noite? Por que ela estava se incomodando com isso? Duda era só uma colega de quarto! Ou será que era mais do que isso?

sig_Lu.png

Desiree

Sapatão convicta. Nunca recuso uma cerveja gelada e batata frita. Amo samba, pagode, funk, etc. Me chama pro barzinho, pra baladinha, pra show... pode escolher, eu topo! Geminiana com ascendente em câncer.

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.