50 Tons da Vida – Cap 15

tumblr_mhm1iuwJQO1rgbp2zo1_500

Deixei vocês na curiosidade né? Bom, vamos lá, não vou enrolar muito não tá? Onde parei mesmo? Ah sim, aquele beijo enlouquecedor no meio da pista de dança. Então, vamos continuar.

Pois é, aquele beijo era de matar uma. E quando as luzes acenderam, finalmente pude ver a dona de tanto calor! E estava tudo explicado quando ela abriu a boca e me deu um “oi” em português. Ela era brasileira! Entrei em um rápido desespero. Não sabia se aquilo era bom ou ruim! Eu nunca mais tinha ficado com uma brasileira, e lá eu era uma pessoa diferente, lá eu era verdadeira. Mas as pessoas do Brasil não sabiam disso e nem conheciam aquele meu lado. E da onde aquela garota tinha surgido? Mas uma coisa eu poderia dizer daquele momento, ELA ERA MARAVILHOSA! Do tipo que eu gostava, quadris, bunda, peito, cabelão, não tinha a barriga lisinha, mas tinha um sorriso de hipnotizar qualquer um. Resumindo, uma brasileira digna e linda!

Bom, conversamos mais e meu medo passou, descobri que ela estava fazendo um curso de fotografia na cidade, só ficaria mais umas 2 semanas por aqui, estava em um apartamento alugado pertinho da faculdade, morando sozinha! Ela estava ficando cada vez melhor! Bom, mais chopp, mais beijos e mais musica! Eram umas 4 e pouca quando o bar estava fechando e como fomos as primeiras a sair, seriamos as ultimas! Dessa vez com a Andréia junto, a minha brasileirinha, como ficou apelidada pelas meninas. Deixei todas no dormitório e passei para pegar algumas coisas no meu quarto, depois eu ia para o apartamento da Andréia, para ficarmos juntas com mais privacidade! Enquanto eu juntava o básico no meu quarto, carregador do celular e fones, vi um recado na minha mesa, era de Donna: “Tenho certeza que você arrasou e sem duvidas era a mais gostosa da festa! Beijos na minha boca preferida”

POIS É!!!!!! Até eu me assustei com o grau de tesão contido naquele bilhete! Percebi que Andréia tinha lido o bilhete junto comigo e já não gostei muito disso, mas ignorei, deixei pra lá! Antes que o sol nascesse de fato, ainda com o céu rosado, chegamos no apartamento da Andréia! Era simples, afinal ela só ia ficar mais alguns dias lá, tinha um sofá na sala e era só o que a gente precisava naquele momento! Não esperei nem ela terminar de fechar a porta e já fui arrancando a calça jeans dela! Ela estava com uma calcinha linda que eu fiquei olhando uns 5 segundos antes de arrancar com a boca! Sim, ainda estava sob efeito de tanto álcool e adrenalina! A joguei no sofá, ainda de blusa e eu de roupa e fui de boca! SIM SENHORAS, EU ERA UMA PUTONA! Senti o gosto dela quente na minha boca enquanto ela gemia loucamente com a minha ansiedade! Foi bom gente!

Do sofá, passamos para a cama no quarto, depois chuveiro e para fechar, mesa da cozinha. Fizemos sexo em todos os lugares da casa. Depois descobri que ela costumava ser ativa, mas de vez em quando ela não se importava de ser passiva e como eu nunca tive problemas, gostava de comer e de ser comida, saí metendo a mão mesmo! Acredito que depois desse dia ela desistiu de ser uma coisa só, mas enfim! Peguntem a ela né?

Ok, dia nascido, sol ardendo, corpos cansados! Depois de tanto sexo, a deixei dormindo e fui tomar um banho rápido, estava muito quente mesmo! Não demorei nem 5 minutos no chuveiro, me enxuguei e voltei sem roupa para o quarto e quando cheguei, que surpresa! Dei de cara com a menina com o MEU celular na mão, FUXICANDO ELE TODO!! Ahhhh não! Fiquei putíssima! Quem ela achava que era para sair mexendo no meu celular assim? Só porque fizemos sexo e nos beijamos em um bar?

Dei um ataque enorme, ela disse que se fosse para ficarmos juntas deveria ser assim, ela queria saber de tudo e o que eu disse? “Nós não estamos juntas, minha querida”. Me vesti na velocidade da luz e saí de lá. Ela ainda me mandou algumas mensagens e me ligou me pedindo desculpas, até respondi dizendo que ela estava desculpada, mas desisti de vez.

Meninas lindas, se vocês querem um compromisso sério, conquistem a pessoa que está com você, não imponham uma coisa dessas! Ah, vocês podem rir desse final tá? Foi hilário mesmo e até hoje eu morro de rir quando lembro! Tadinha, só era um pouco possessiva, mas era uma boa pessoa!!

Desiree

Sapatão convicta. Nunca recuso uma cerveja gelada e batata frita. Amo samba, pagode, funk, etc. Me chama pro barzinho, pra baladinha, pra show... pode escolher, eu topo! Geminiana com ascendente em câncer.

Este post tem 4 comentários

  1. Mari Freitas

    Tem tanto de mim na Andréia

  2. amanda silva

    kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk rir litros , adoro esses capitulos amo amo amo , quero mais quero mais , 😀

  3. jully

    Primeira vez que li, tô à toa na net e pah e acho esses relatos, nossa muito bom e tipo me ajudou, não sou assumida (não para meus avós), me fez criar coragem u.u indo fazer os povo ter ataque (tomara que não rsrs) é isso e espero ter mais.. Me gustas *-*

    1. Grupo HPM

      Obrigada Jully!! É sempre bom saber que ajudamos alguem com as nossas palavras! Espero que de tudo certo, sempre!! 😉

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.