Search for content, post, videos

We’re in Heaven

Nem todas as estações do mundo me permitiriam esquecer você. Olhando para você agora me lembro dos nossos momentos de juventude, quando você corria pela rua às 4 horas da manhã sem se importar em gritar. Nós éramos livres e selvagens, éramos jovens amantes.

Te conhecer nos tempos de colégio foi a melhor coisa que aconteceu na minha vida, quando eu não sabia o que era amor. Você veio e me mostrou. Você veio e transformou minha vida, com seus horários malucos e seus costumes sem sentido. Hoje é o dia do nosso aniversário de namoro, fazia dez anos que nos conhecíamos. Quando nos vimos à primeira vez, você se aproximou com aquele sorriso sem vergonha, puxando um assunto aleatório, dizendo que tinha perdido a aula porque estava jogando futsal no campo e não havia uma gota de suor no seu corpo.

Com seus cabelos amarrados em um rabo de cavalo, um short e um tênis, você pegou na minha mão e me guiou até a cantina, me ofereceu um sorvete e disse que admirava minha inteligência, queria quer ser minha amiga e sentar ao meu lado, e foi nessa conversa infantil, lá nos nossos 10 aninhos de idade, que o nosso vínculo surgiu. Nossa relação, a partir daquele dia nunca mais foi a mesma, vi em você meu porto seguro, meu paraíso. Ao longo dos anos, te acompanhei em seus jogos e você me acompanhou em minhas aulas de dança, quando completamos 16 anos, bebemos juntas pela primeira vez, você me entregou uma taça de vinho e ficou rodando pela casa. Nós estávamos sozinhas, todos os outros tinham viajado e naquele dia, sozinhas ao entardecer, nos beijamos a primeira vez. Nos aproximamos devagarzinho e com o coração disparado finalmente entendi o porque nunca quis me desgrudar de você.

Querida, quando te tenho deitada em meus braços ou quando te vejo com uma chuteira, entendo o maior presente que recebi. Nunca tinha entendido o porquê você era tão especial para mim, até você me explicar que não era errado se apaixonar pela melhor amiga, você me mostrou o caminho em diversos momentos da minha vida e eu agradeci. E agora, dez anos depois, você continua com suas roupas confortáveis, enquanto eu continuo com meus vestidos largos. Você me acorda todos os dias com o mesmo sorriso e eu ainda paro para escutar seus gritos da madrugada.

Os nossos 16 anos nunca irão voltar, mas minhas lembranças de andar de mãos dadas com você pelas ruas ou os seus beijos em momentos inapropriados sempre irão existir. Porque as estações vêm e passam, mas o meu amor por você perdura.  Agora, às 4 da manhã, como uma linda corujinha que você foi e sempre será, irei te levar para ruas e te mostrarei o lindo anel que comprei para você, e esperarei você aceitar meu pedido, porque você é simplesmente meu paraíso.

*Me siga no instagram: @brunafentanes*

Copy Protected by Chetan's WP-Copyprotect.