Olá, visitante. Acesse sua conta ou cadastre-se.

Putz, estou com um bloqueiro criativo! E agora? Técnicas para, talvez, superar o terror de 10 entre 10 autorxs

0
Todo mundo que trabalha – mesmo como hobby – com expressões artísticas tem um puta medo dessa coisinha chamada “bloqueio criativo”. Ela pode acabar com seu sono por dias e pode te fazer enlouquecer se você for um pouco ansiosx.
Para quem tem a necessidade criativa como parte do emprego é um pouco pior porque além da ansiedade de querer colocar aquilo tudo pra fora e não conseguir, normalmente a pessoa ainda é obrigada a lidar com prazos e parece que o destino sempre ajuda nessa questão, quanto menor o prazo, maior o bloqueio. Na verdade, não tem nada a ver com azar do destino, mas sim com o fato de que a pressão para que você consiga terminar aquilo faz com que o nível de stress suba e aí, coleguinhas, não há criatividade que resista, não é mesmo?
Sempre me pergunto como as pessoas fazem para ultrapassar esse bloqueio criativo que dá vontade de arrancar todos os pentelhos fio por fio. Desculpa a sinceridade. Eu tenho algumas “técnicas” que uso, mas também perguntei para algumas das autoras que trabalham aqui no site e fiz uma listinha pra tentar ajudar quem precisa.
Lembrando que o processo criativo das pessoas são diferentes, portanto, o processo para eliminar esse bloqueio também é diferente.
1 – Filmes
 
Quase uma unanimidade, eu diria. Assistir a filmes, seriados, vídeos ou qualquer coisa que faça sua mente trabalhar em outra direção pode abrir os caminhos para o que você precisa. Particularmente eu gosto de assistir filmes que tenham a ver com o que preciso escrever, mas tem gente que prefere assistir qualquer coisa só para aliviar a mente mesmo.
2 – Música
 
Outra unanimidade. Ouvir música ajuda a estimular a mente, a relaxar e até mesmo durante o processo de escrita. Tem gente que gosta de música lenta para relaxar e deixar as palavras fluírem, tem gente que gosta de música antes de começar e tem gente, como eu, meio estranha que escuta música eletrônica para escrever. O volume também varia entre música ambiente, quase não dá pra ouvir e estou tentando ficar surda.
3 – Escuridão
 
Essa não funciona muito comigo devido a minha hiperatividade, mas tem gente que gosta de deixar tudo no escuro, relaxar, meditar, ouvir uma música lenta e liberar a mente e o corpo para aí sim se dedicar as palavras. Esse processo é mais para quem gosta de calmaria e precisa de concentração extrema para o momento, mas não serve para pessoas que são ligadas no 220v como euzinha aqui.
4 – Ler
 
Essa dica vale muito para mim. Sempre que estou travada em alguma capítulo ou não consigo sair daquele parágrafo eterno, eu dou um tempo nas minhas coisas e vou ler. Em qualquer lugar e com qualquer tema, ler outras coisas ajuda o seu cérebro a enxergar as palavras de uma forma diferente o que, muitas vezes, ajuda você a encontrar a melhor forma de continuar o que você estava escrevendo.
5 – Revisar
 
Empacou? Comece a reler seu texto/historia até o momento que você está travadx. Talvez relendo tudo que você já escreveu, encontre o fio perdido da meada e saiba exatamente como e para onde continuar. Essa opção também ajuda a ligar alguns pontos que talvez estejam esquecidos no processo. Essa dica é ótima pra quem escreve em etapas e as vezes demora para voltar àquele trabalho.
6 – Ambientação
 
Essa nem sempre é possível de ser usada, mas dize que funciona muito. Para quem escreve ficção é interessante ambientar a cena em um lugar mais do que conhecido, assim a visualização do que está acontecendo se torna mais fácil e as palavras vão fluir com muito mais tranquilidade já que fica mais fácil se sentir parte do que está escrevendo.
7 – Ar puro
 
Tem vezes que o cômodo fechado nos deixa ainda mais estressadas e pressionadas. Por vezes já precisei ir até a varanda, olhar o céu, respirar ar puro e aí sim conseguir desobstruir a mente. Quando o bloqueio é muito sério, vale a pena passar algumas horas fora de casa/escritório, vendo outras pessoas, escutando muitas vozes e talvez quando você volte as coisas estejam mais claras.
Bom, como eu disse, essas são algumas das coisas que funcionam para a galera daqui. Se você tem outras técnicas, coloca aqui nos comentários porque a gente tá sempre precisando superar um bloqueio criativo chato!

Autora, escritora, um pouco louca e uma mente hiperativa que acha que pode mudar o mundo com suas palavras.